janeiro 28 2021 0Comentários

Como escolher sua administradora pelo seu valor e não pelo seu preço?

Escolher uma administradora significa levar em consideração uma série de questões sobre a vida de um condomínio ou empreendimento. Trata-se de entregar nas mãos de uma empresa o presente e o futuro financeiro e administrativo de um negócio, o que pode determinar a qualidade do serviço, a reputação de uma empresa e a satisfação de moradores ou clientes.

No que se refere a condomínios, devido à complexidade das funções que o síndico deve realizar, é recomendável que uma administradora seja contratada. Ter o apoio de profissionais que possuem experiência nessa atuação pode impedir erros, descuidos e até mesmo processos judiciais.

Portanto, a seriedade da administração condominial é grande e tratar de temas dessa ordem requer responsabilidade, não sendo aconselhável privilegiar essa escolha pelo preço. Como diz o famoso ditado: o barato pode sair caro.

Vamos direto à primeira e mais importante dica: desconfie de honorários muito baixos.

Como apontamos, confiar assuntos administrativos e financeiros de um empreendimentos ou condomínios é uma questão que deve ser tratada com absoluta responsabilidade, e muitas vezes um preço muito baixo é um alerta.

O que pode significar um preço tão baixo?

Para além dos casos mais clássicos de fraudes e roubos, é possível que a administradora ofereça serviços por preços muito baixos pelo fato de possuir um quadro de funcionários não efetivamente especializado; o rebaixamento drástico da qualidade dos serviços prestados ou há também a possibilidade de ser uma empresa com péssimo posicionamento e reputação no mercado, com muitas reclamações e processos judiciais. Pode ainda ser uma administradora que não realiza uma série de funções que são fundamentais para a gestão do cotidiano do seu negócio.

Ou seja, a melhor forma de assegurar que você não terá dores de cabeça desse tipo é optar por uma administradora avaliando a qualidade de seu quadro de funcionários, sua reputação no mercado de trabalho, seu histórico judicial e, somente após isso, buscar negociar o melhor preço.

Além disso, há outras dicas que podem te ajudar na escolha de uma boa administradora:

– Tenha sempre em mente mais de uma opção;

– Busque conhecer demais clientes da empresa e, se possível, entre em contato para saber a qualidade dos serviços prestados, pedir dicas, opiniões e verificar se há reclamações significativas;

– Verifique se a empresa possui sede própria;

– Visite a sua sede e também o seu site antes de contratá-la;

– Pesquise na internet e nas redes sociais sua imagem pública e confira se há muitas reclamações.

– Solicite previamente o contrato e analise-o, dando atenção aos pequenos detalhes: é ali que podem estar escondidos problemas importantes.

– Verifique previamente as formas de rescisão contratual previstas;

Com atenção às questões como as listadas acima, caberá ao síndico escolher o que pode melhor auxiliá-lo, afastando as chances de problemas posteriores.

Nesse sentido, a Zangari surpreende: há mais de 45 anos no mercado imobiliário, possui atuação nos segmentos de gestão condominial, gestão operacional, gestão de locações e compra e venda de imóveis de forma ética e com responsabilidade.

A experiência por todo esse período trouxe a certificação pelo Programa de Autorregulamentação de Condomínios, confirmando o padrão de qualidade em nossos processos, gestão e estrutura.

E, por último, um importante passo a passo:

– Inicie sua pesquisa

– Confirme a qualidade Zangari

– Entre em contato

– Solicite uma proposta

– Comprove você mesmo! 😉

allure

Escreva um Comentário