dezembro 07 2020 1Comentários

Cuidado com o descarte de embalagens e correspondências

Uma das coisas que fazemos automaticamente é jogar o lixo na lixeira sem nem ao menos pensar duas vezes. Pode parecer uma pequena atitude, mas é um grande erro não dar a devida atenção ao lixo que vai embora de nossa casa. Principalmente se esses lixos contém seus dados pessoais.

Ao recebermos correspondências e encomendas, rapidamente verificamos seu conteúdo e descartamos aquilo que não nos interessa: a embalagem, a caixa, o envelope. Não nos damos conta de que aquilo que não é do nosso interesse configura como um material rico e cheio de informações para aplicar golpes, uma vez que nessas embalagens há uma série de dados pessoais que podem ser utilizados por pessoas de má índole, como o nome completo, CPF, endereço e telefone. Além disso, ao analisar um lixo de outra pessoa, é possível descobrir muito sobre ela, vemos o que a pessoa costuma comer através das embalagens de comida, onde costuma fazer compras e etc.

Os principais golpes que podem ser aplicados nessas situações são clonagem de cartões, solicitação de empréstimos, abertura de conta e até mesmo invasão da casa, apartamento ou condomínio por meio do endereço.

O lixo, quando está na rua, fica exposto em um lugar público que todos têm acesso. Assim, ao descartar embalagens e correspondências, sempre verifique antes do descarte, e certifique de que todas as informações sejam cuidadosamente removidas, evitando manipulação dos dados pessoais e uso indevido dos mesmos. Algumas ações que podem contribuir na prevenção são descartar a etiqueta de modo que seus dados se tornem ilegíveis, seja riscando com uma caneta ou picotando o papel. Se possível, guarde a nota fiscal.

allure

Comentário

  1. Excelente dica, não tinha me atentado para isto, muito obrigado, vou tomar os devidos cuidados.

    Responder

Escreva um Comentário